Homem é preso após bater carro e espalhar maconha pela Régis Bittencourt

Outras duas pessoas que contrataram o suspeito para realizar o transporte das drogas também foram presas

Por Redação 19/11/2020 - 12:10 hs
Foto: Divulgação/PRF
Homem é preso após bater carro e espalhar maconha pela Régis Bittencourt
Homem é preso após bater carro e espalhar maconha pela Rodovia Régis Bittencourt

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu três homens por tráfico de drogas e apreendeu mais de 67 kg de maconha na rodovia Régis Bittencourt (BR-116) em Cajati, no Vale do Ribeira (SP). O motorista do carro, onde eram transportadas as drogas, tentou fugir mas bateu o veículo e foi preso.

A ação aconteceu, nesta quarta-feira (18), no Km 525 da rodovia. Os policiais faziam o patrulhamento no local e abordaram um veículo com placas de Sorocaba (SP), ocupado por dois homens, de 34 e 33 anos. Nesse momento, um outro carro, também com placas de Sorocaba, passou em alta velocidade pela base da PRF.

Os policiais sinalizaram a parada, mas o motorista desobedeceu a ordem e tentou fugir em alta velocidade, fazendo ultrapassagens entre veículos e no acostamento. A perseguição aconteceu por seis quilômetros até o suspeito perder o controle do carro e bater contra um barranco e uma defensa metálica.

PRF apreende tabletes de maconha após motorista tentar fugir e bater carro — Foto: Divulgação/PRF

O homem, de 22 anos, tentou fugir a pé, mas foi detido pelos policiais. Perto do carro, a equipe encontrou tabletes de maconha, que ficaram espalhados pela rodovia. O suspeito confessou que tinha sido contratado pela dupla para realizar o transporte da droga de Florianópolis (SC) até o interior paulista.

Ele revelou, ainda, que era escoltado pela dupla, que o informaria de possíveis fiscalizações. Porém, os outros dois suspeitos não tiveram tempo de o avisar e o rapaz decidiu fugir. Ele ainda receberia R$ 1 mil pelo serviço.

Os policiais apreenderam 67,4 Kg de maconha e os três suspeitos foram presos por tráfico de drogas. A ocorrência foi apresentada na Delegacia de Polícia Sede de Cajati e, segundo a PRF, ambos os carros utilizados foram apreendidos e serão leiloados.














-->